Como escrever para redes sociais- capa

Nessas alturas do campeonato, em que a era digital chegou para ficar e as empresas sabem que o conteúdo é rei, saber como escrever para redes sociais não é uma simples alternativa. Na verdade, é uma questão de necessidade.

Você já acessou a sua conta no Instagram hoje? Já conferiu qual é a última polêmica nos trending topics do Twitter? Deu uma olhada nas vagas de emprego que o LinkedIn mostra na sua timeline? Há redes sociais para os mais variados propósitos, para qualquer tipo de público.

Quando o assunto é a gestão de negócios, a redação para rede social é um grande aliado. Por isso, é preciso ter um bom conhecimento sobre as características de cada rede, do perfil do seu público e do uso adequado de algumas ferramentas digitais.

Por conta disso, é comum surgir algumas dúvidas como:

  • Quanto investir em tráfego pago?
  • O tráfego orgânico apresenta algumas vantagens?
  • Como escrever para redes sociais de fato?

Responder essas e outras perguntas faz parte de uma boa gestão da sua marca nas redes.

Sobretudo, tão importante quanto saber como cada mídia funciona, como proceder para mensurar os resultados e o engajamento do público, é saber como criar conteúdo para elas.

De nada adianta assegurar um planejamento eficiente se a redação para redes sociais não consegue dialogar com a sua persona. O copy para redes sociais garante autoridade para a sua marca, um bom relacionamento com o público e mais uma série de vantagens que fazem toda a diferença para assegurar bons resultados.

Por essa razão, sabendo que o Marketing de Conteúdo passa muito pelo bom uso do Instagram, Facebook, WhatsApp e outros canais, dê uma conferida nesse artigo completo que preparamos sobre como escrever para redes sociais.

Marketing de Conteúdo – Como escrever para redes sociais otimiza a jornada do consumidor

As redes sociais hoje em dia são praticamente uma das principais protagonistas na gestão de uma empresa. Não é à toa que o conceito de social media writing vem se tornando tão relevantes para o Marketing de Conteúdo.

Atualmente, de acordo com pesquisas, as pessoas passam mais tempo acessando e interagindo em redes sociais, do que consumindo outros canais, como, por exemplo, assistir TV a cabo.

Além disso, o estudo aponta que mais de 60% da população do planeta está online, com mais de 140 milhões de novos usuários na internet. E tudo isso contribui para o significativo aumento do consumo de redes sociais.

Conforme outro estudo realizado em 2022, o brasileiro passa um tempo considerável consumindo o conteúdo dessas redes, especialmente o Youtube, Instagram e o Facebook.

Devido a isso, já não dá mais para afirmar que as redes sociais são apenas uma tendência. Elas são, acima de tudo, uma realidade, pois as mídias sociais atualmente se tornaram essenciais, por exemplo, para viabilizar etapas da jornada do consumidor, nutrindo e convertendo leads.

Como você acha que muitos clientes encontram e gostam de interagir com uma determinada marca? Isso mesmo, por meio do Instagram, Facebook ou assemelhados. As mídias digitais são vitais para o Marketing Digital e saber como escrever para redes sociais é a melhor maneira para estabelecer uma ponte entre a sua marca e os consumidores.


Por falar em Marketing de Conteúdo, clique aqui e saiba como PME’s podem inciar essa estratégia


O seu conteúdo na web é a voz da sua marca na era digital 

Já não se discute mais sobre a importância da presença digital para uma empresa e também para os profissionais (freelancers ou não). Hoje em dia é imprescindível saber como escrever para redes sociais.

Em virtude disso, noções sobre social media writing ganham contornos ainda mais relevantes, pois abordam as principais técnicas, ferramentas, falhas e acertos quando o assunto é investir em um bom post para redes sociais.

Atualmente, quando o assunto é consolidar uma forte presença digital na internet, a palavra mágica é “engajamento”. Em suma, o objetivo de um bom copy para redes sociais é engajar. Porém, é sempre bom lembrar que não existe uma fórmula secreta para isso.

Não há uma ciência exata capaz de responder ou prever quando, como e quanto um post vai engajar. Tudo é uma questão de saber dosar bem os ingredientes, que vão desde uma análise do comportamento do seu público, passando pela escrita correta, até a própria dinâmica do funcionamento da rede social utilizada no momento.

Tudo isso faz parte de como deve ser uma boa redação para redes sociais. Por isso, para obter resultados satisfatórios é necessário ficar a par de algumas dicas essenciais.

A-voz-da-sua-marca-na-we

 

Saiba como falar com o seu público

Um bom post para redes sociais possui uma característica básica: falar a língua do público em questão.

De nada adianta despejar emojis e gírias nas suas postagens, se o público da sua marca é mais maduro e não faz parte da geração millenial.

O tom da voz certo é fundamental para você não errar na hora de produzir um texto para redes sociais.

Por essa razão, não dá para dispensar as pesquisas de consumo e avaliação, assim como é bom ler alguns conceitos importantes acerca do neuromarketing.

Conheça o poder de uma boa história 

Storytelling é como hoje em dia muitos profissionais e estudiosos do Marketing Digital se referem à técnica de criar uma história capaz de trazer engajamento, ativando gatilhos mentais no público e tornando o conteúdo ainda mais atraente.

Não há quem resista a uma boa história, especialmente quando há um personagem em que o leitor consegue se identificar facilmente.

Star Wars, Senhor dos Anéis, Spider-Man, os contos de fadas, enfim, a cultura pop está repleta de exemplos em que narrativas conseguem se conectar de forma absurda com o público.

Uma boa técnica de storytelling também pode ser vista no cerne de muitas religiões, de discursos políticos e, especialmente, no Marketing e na Publicidade. E é por isso que a arte de contar histórias também tem relação em saber como escrever para redes sociais.

Desenvolvendo técnicas de criação de personagem, é possível adaptar qualquer narrativa em uma rede social, seja nos Stories do Instagram, em um vídeo rápido no Tik Tok ou na timeline do Facebook.

Com um personagem cativante e um texto atraente, dá perfeitamente para estabelecer um bom engajamento e uma presença digital consolidada, mesmo levando em conta palavras-chave e outros recursos de técnicas de SEO.

Valorize a escrita correta 

Em algumas situações, na pressa, é comum deixarmos escapar algum erro gramatical, ou construir um parágrafo de modo pouco compreensível. Por isso, não confie apenas no corretor ortográfico. Revise sempre o texto e não dispense uma consulta ou outra no dicionário.

Um texto para redes sociais também pode ser um diálogo entre a sua marca e o seu público. Portanto, não deixe de lado o cuidado com a escrita correta.

Utilize a técnica do U 

Na hora de planejar o seu post para rede social, tenha em mente quatro palavras que começam com a letra “U”. São elas:

  • Utilidade
  • Ultra especificidade
  • Urgência
  • Unicidade

O conteúdo perfeito para social media writing deve ser útil. Ele deve ter um propósito, fazendo o leitor sentir que necessita daquela solução oferecida ou mostrada.

Especificidade também traz autoridade para o conteúdo, sendo essencial para quem quer saber como escrever para redes sociais. Para isso, vale inserir dados, pesquisas e depoimentos em seu texto.

Além do mais, quando o conteúdo traz urgência, a chance de engajamento aumenta de forma significativa. Sendo assim, não desperdice a oportunidade de usar call to actions, de afirmar que o conteúdo apresentado é mais do que uma simples informação, sendo ela é essencial.

Contudo, é interessante também transformar o seu texto para redes sociais em algo único, com personalidade, trazendo uma identidade mais particular para a presença digital da sua marca. É aí que entram noções como estilo da escrita, propósito e características do seu negócio.


Para saber mais mais como escrever para web, clique aqui e entenda o que é Webwriting


Estruturas de texto para redes sociais 

Um post para rede social, como o Instagram ou o Facebook, geralmente é composto por três partes, sendo elas:

  • a imagem,
  • o texto da imagem
  • e a legenda.

O Instagram, por exemplo, ainda apresenta o recurso conhecido como carrossel, que permite o uso de imagens com informações complementares. As imagens são importantes, mas o texto também é protagonista. Isso reforça ainda mais a relevância de um bom copy para redes sociais.

Em virtude disso, saber redigir legendas capazes de engajar e que obedeçam a critérios das técnicas de SEO faz toda a diferença na hora de criar conteúdo para redes sociais. Portanto, vale prestar atenção nas dicas a seguir.

Utilize a quebra de textos 

No ambiente online, um texto amontoado em um único bloco de parágrafo é cansativo e não prioriza algo que webdesigners e webwriters tanto amam: a experiência de usuário.

Logo, é um pecado mortal pensar em escrever para redes sociais sem olhar para a tecla ENTER, sem utilizar listas e outros recursos que tornam o texto mais solto e menos engessado.

Não esqueça também de um detalhe importante: a Call to Action (Chamado à Ação). A mensagem da Call to Action é um empurrão que o seu texto dá ao leitor, o convidando para agir.

Planeje o tamanho do texto 

Ainda que pesquisas apontam cenários em que o hábito de leitura está em baixa, alguns textos mais extensos em uma redação para redes sociais ainda podem manter um poder de engajamento.

Isso vai depender da proposta do conteúdo, da rede utilizada e até de fatores estilísticos, como uma escrita atraente e uma boa técnica de storytelling.

Tamanho sim é documento, especialmente quando o texto é destinado para ser a legenda de uma imagem. Lembre-se que um texto extenso demais em uma imagem torna a postagem poluída. Além do mais, as imagens escolhidas não devem conter muitas informações e “brigar” com o texto.

Use emojis e hashtags 

Os emojis podem reforçar o que a mensagem quer dizer, conferindo mais ironia, descontração e impessoalidade ao texto, ou até mesmo mais seriedade, dependendo do caso. Contudo, o uso sem moderação desse recurso pode poluir o conteúdo, portanto, é preciso usar com parcimônia.

As hashtags são essenciais em um post para rede social. Elas ajudam a reforçar o conteúdo da sua postagem, ampliando o alcance. O Instagram, por exemplo, permite mais de 20 hashtags por postagem, mas não há sentindo abusar desse recurso.

A-voz-da-sua-marca-na-we

Dicas de como escrever para rede sociais e suas particularidades

Você aí lembra do Orkut? E do Myspace? Teve uma conta no Second Life? Essas redes sociais fizeram grande sucesso em um determinado momento, mas hoje algumas delas estão extintas, ou estão desabitadas.

O ciclo de vida das redes sociais nem sempre é longo e acompanha tendências. Enquanto a dinâmica de uma apresenta desgaste ou perde atrativo, surge uma outra atraindo vários usuários curiosos para entender como funciona a novidade.

O Facebook tem um propósito bem distinto do Twitter, que por sua vez é bem diferente do Instagram e por aí vai.

Além do mais, quando o assunto é como escrever para redes sociais, não dá para ignorar índices relacionados a cada uma delas.

De acordo com essa pesquisa do DataReportal, realizada no primeiro semestre de 2023, o alcance potencial de anúncios do Facebook no Brasil caiu 7,0 milhões (-6,0%) entre 2022 e 2023.

Já no caso do Youtube, ele atingiu 78,1% da base total de usuários da Internet no Brasil (independentemente da idade) em janeiro de 2023.

Além de ficar por dentro desses dados, uma boa presença digital para a sua marca é construída quando você domina a redação para redes sociais, pesquisando também qual delas são mais acessadas pelo seu público.

Cada uma delas conta com propósitos e dinâmicas diferentes. Por isso, a abordagem e a criação de conteúdo em cada uma delas varia bastante. Confira agora como deve ser a utilização, a criação de textos e de conteúdos nas diferentes mídias.

Instagram 

Dados revelam que diariamente o Instagram conta com 500 milhões de usuários ativos em todo o planeta. Isso já o torna uma rede social em que gestores devem ficar de olho, pois o potencial estratégico dela é bastante significativo.

Nesse contexto, antes de produzir conteúdo nesse canal, é importante saber que ela permite a publicação de imagens e vídeos, com texto ou não. Isso já a torna uma rede de apelo bastante visual.

Para garantir um conteúdo de qualidade e que desperta o interesse do seu público, uma postagem com uma legenda bem elaborada ajuda muito.

Além do mais, a estrutura ideal de um texto para o Instagram deve contar com cerca de 150 caracteres, no máximo 5 hashtags. Quanto aos emojis, lembre-se de utilizá-los com moderação.

A periodicidade e as datas de publicação também são relevantes. Para isso, sempre tenha em mãos dados que apontam quais são os dias e horários mais adequados de acordo com o seu público.

Quanto ao tipo de mensagem, lembre-se que ela poderá variar com a sua estratégia. Porém, basicamente, apele para textos persuasivos ou informativos. Em alguns casos, vale investir em textos mais emotivos, utilizando gatilhos mentais e técnicas de storytelling.

Outras dicas importantes em relação ao Instagram são:

  • Ter um feed organizado
  • Realizar lives
  • Usar os Stories
  • Investir em um bom CTA, o famoso Call to Action

Facebook 

O Facebook não conquistou o Brasil logo de primeira. Essa rede social passou a angariar usuários brasileiros a partir do instante em que o Orkut começou a anunciar o seu próprio fim.

Depois disso, a rede do Mark Zuckerberg se tornou uma das mais utilizadas no Brasil e hoje em dia ainda tem um certo apelo para quem quer investir em um bom copy para redes sociais.

Isso torna o Facebook um aliado valioso para qualquer marca que tenha o objetivo de construir uma sólida presença digital, sendo um espaço importante para empresas que queiram interagir, atender, conquistar e estabelecer uma relação forte com os seus clientes.

O Facebook possui diversas ferramentas que servem para viabilizar um post para rede social, otimizando o trabalho de divulgação do seu negócio, tanto de forma orgânica quanto paga.

O método pago é o mais eficiente, mas é claro que pode você pode combinar os dois. Na prática, o Facebook permite utilizar a criatividade e testar diferentes formas de gerar engajamento e conversão, como, carrossel, vídeos, GIFs e imagens.

De forma geral, o texto para redes sociais deve levar em conta um planejamento que prioriza horários adequados de postagem e formatos capazes de engajar o seu público. No caso do Facebook, a situação não é diferente.

Além disso, priorize uma linguagem sucinta e objetiva, evitando os famosos textões. Também não há a necessidade de rechear o seu conteúdo com hashtags.

Lembre-se também que o algoritmo do Facebook pode detectar linguagem excessivamente promocional, como, por exemplo, “compre agora” ou “inscreva-se aqui!” Tais postagens podem ser rebaixadas no feed de notícias e não condizem com uma boa redação para redes sociais.


Neste post você vai entender como escrever para os buscadores e destacar o seu conteúdo no Google


Escrever-para-redes-sociais-suas-particularidades

X (antigo Twitter) 

Quem pensa que o X é um espaço apenas para briguinhas e polêmicas está enganado. Ele também, quando usado de forma certa por uma empresa, pode ser um excelente canal de interação com o público e divulgação de uma marca.

Ainda que não seja tão utilizada quanto o Instagram e o Facebook, o X tem usuários ativos e fiéis, sendo um local onde as pessoas querem encontrar os assuntos mais comentados da atualidade.

Por isso, algumas dicas para usar o Twitter nas estratégias de Marketing Digital são:

  • Use as hashtags certas
  • Adicione URLs no meio dos tweets e não no final
  • Marque outras contas relevantes em sua cópia do Tweet
  • Use emojis nas postagens

Em se tratando de post para rede social, a estrutura do X demanda um texto rápido. Portanto, é necessário mandar o seu recado com pouco mais de 140 caracteres.

As hashtags também são recursos interessantes e verdadeiras parceiras de um bom copy para redes sociais. Por isso, considere incorporá-las de forma inteligente diretamente em seus tweets.

URLs também podem acrescentar mais engajamento nas suas postagens, especialmente quando são inseridas no meio do conteúdo.

Ao realizar a produção de conteúdo no X, utilize uma estrutura que permita colocar um link depois de apenas duas ou três palavras. Um exemplo disso pode ser a sequência uma curta introdução, URL e uma explicação mais longa.

Outra ação interessante é marcar outras contas relevantes para o seu negócio. Isso ajuda a avisar outras pessoas de que você está falando sobre elas, as tornando aptas a compartilhar o seu conteúdo.

Vale também usar, de forma criativa, os emojis. Eles podem acrescentar mais personalidade nos seus conteúdos.

WhatsApp 

Hoje em dia é difícil não encontrar um smartphone no Brasil que não tenha esse aplicativo de mensagens instantâneas instalado. Por essa razão, saber como escrever para redes sociais também passa em saber como utilizar o WhatsApp nas suas estratégias.

Mesmo não sendo uma rede social propriamente, o WhatsApp definitivamente conquistou a preferência dos brasileiros. Inclusive, de acordo com esses dados publicados em 2022 pelo Statista, mais de 90% da população usa ativamente esse aplicativo, o tornando uma ferramenta importante para as estratégias de Marketing Digital.

Por isso, quem gerencia um negócio faz bem em ter um WhatsApp Business, lançado em 2018. Por meio dele é possível personalizar o atendimento, interagir de forma direta e segmentada com o público e ainda nutrir e impulsionar leads.

Diante disso, a produção de conteúdo do WhatsApp deve ser pautada na objetividade da mensagem.

Se o Twitter atualmente já ampliou o espaço para 280 caracteres, é verdade que o WhatsApp disponibiliza mais liberdade de redação, mas ainda assim ele é uma ferramenta para conteúdos objetivos e sucintos.

A opção “leia mais” no WhatsApp surge depois dos 3.073 caracteres, porém é sempre bom lembrar que poucas pessoas estão dispostas a ler textões gigantescos na tela do dispositivo móvel.

O ideal, portanto, é utilizar o espaço para divulgar promoções, compartilhar Landing Pages e outras ações de interação, mas por meio de técnicas de webwriting que prezam pela objetividade. Não por acaso, os gatilhos mentais aqui se mostram ainda mais eficientes.

O mesmo vale para os Call to Actions. O uso de frases no imperativo, como “conheça agora”, “assine” e “entre em contato” deve fazer parte da escrita no WhatsApp. Elas, quando estão aliadas aos gatilhos mentais, possuem um forte apelo no público.

Ainda assim, outras dicas básicas de escrita para viabilizar uma boa estratégia de Marketing via WhatsApp consistem em priorizar frases curtas e com um toque mais informal, mostrando que a sua marca é uma amiga do cliente.

Caso seja necessário redigir alguma mensagem um pouco mais longa, lembre-se de quebrar a mensagem em parágrafos curtos e separados, tornando a leitura mais confortável.

Youtube 

O Youtube é famoso por ser um recurso de audiovisual, mas nem por isso você deve abandonar as técnicas de social media writing.

De acordo com dados da Statisa, em janeiro de 2023 o Brasil estava em terceiro lugar no ranking de países que mais consomem conteúdo no Youtube. Isso não é pouca coisa se levarmos em conta que 142 milhões de brasileiros utilizam esse recurso para assistir notícias, informações e entretenimento.

O formato audiovisual exerce um grande apelo no público ao disponibilizar conteúdo que alia som e imagem. Posto isso, utilizar um canal no Youtube não serve apenas para estabelecer autoridade para a sua marca, mas também para interação.

Por conta disso é que saber como escrever para redes sociais faz toda a diferença em uma boa descrição do seu vídeo. Graças a ela, você tem condições de fisgar a atenção da sua audiência para o seu conteúdo.

Uma boa descrição começa reforçando para o público sobre o que trata o vídeo. Além disso, é importante que ela contenha alguns elementos essenciais como:

  • Hashtags
  • Palavras-chaves
  • Call to Action
  • Links

Ademais, é importante que cada vídeo tenha uma descrição exclusiva. Desse modo fica bem mais fácil encontrá-lo por meio de pesquisa, destacando-o entre tantos vídeos muitas vezes parecidos.

Nesse caso, não esqueça também das técnicas de SEO. Lembre-se que o uso de hashtags e de palavras-chaves devem ser referentes ao seu negócio.

Além do mais, aproveite o restante do texto, o que aparece quando se clica em “Mostrar mais”, para oferecer informações a mais, como, por exemplo, o tema de seu canal, links para as suas redes sociais e outras mídias importantes.

Em suma, não desperdice o potencial do Youtube e aprenda a como escrever para redes sociais, utilizando nele também as técnicas de webwritingl. Isso porque o Youtube é o segundo maior buscador da web, perdendo apenas para o Google.


Clique aqui e saiba tudo sobre como escrever para blog e impulsionar sua empresa na web


Mapa da empatia – Saiba como ele pode ajudar na sua escrita digital

Escrever-para-redes-sociais-suas-particularidades

Quem quer aprender como escrever para redes sociais, deve dominar as técnicas de SEO, conhecer a importância dos algoritmos e ficar por dentro das regras gramaticais. Porém, deve conhecer muito bem os leitores, entender como eles pensam e o que eles querem.

Nesse contexto, uma boa solução para o social media writing é o mapa da empatia. Esse mapa consiste em um material que auxilia uma empresa a conhecer melhor o perfil do seu público consumidor.

“Empatia” denota a capacidade de você se colocar no lugar do outro. No caso da redação para redes sociais, esse outro é o leitor. Para elaborar esse mapa, é necessário responder algumas perguntinhas básicas relacionadas ao público, como, por exemplo:

  • O que ele vê?
  • O que ele faz?
  • O que ele escuta?
  • O que sente?
  • Quais são as dores?
  • Quais são as necessidades?

A partir desse ponto, já se torna mais fácil conhecer melhor o perfil do leitor, quais redes ele acessa e até mesmo como deverá ser a abordagem do seu conteúdo.

Na web é possível encontrar opções dessa ferramenta e assim criar mapas de empatia personalizados para cada situação.

Conclusão

Você consegue imaginar uma boa estratégia de Marketing de Conteúdo sem as redes sociais?

Seja para criar autoridade, posicionar a sua marca, divulgar uma ação promocional ou simplesmente reforçar a sua presença digital, não importam os objetivos, um bom post para redes sociais está aí para isso, funcionando como um importante elo de interação entre o seu negócio e o seu público.

Por meio de eficientes práticas de redação para redes sociais, você tem condições de criar uma comunicação mais personalizada até mesmo atrair mais leads.

As redes sociais são tão relevantes nos planejamentos estratégicos que é necessário saber como utilizá-las. E é aí que entra em cena um com conhecimento acerca de social media writing e criação de conteúdo.

Sendo assim, saber como escrever para redes sociais faz toda a diferença nos resultados da sua empresa, inclusive ajudando a estabelecer o tom da voz da sua marca, que é tão importante quanto a identidade visual.

Portanto, diante da necessidade (e utilidade) das redes sociais, é importante contar com uma agência de conteúdo especializada no assunto, capaz de auxiliar na sua gestão de conteúdo. E a Verbum Conteúdo é o nome certo para isso.

Aqui com a gente você terá total suporte na criação de conteúdos feitos de forma estratégica, baseados em um planejamento que leva em conta as características do seu público e os objetivos do seu negócio.

Leave a Comment

13 + 16 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.