Marketing de Conteúdo - 7 perguntas a fazer antes de iniciar a sua estratégia

O Marketing de Conteúdo é a bola da vez quando o assunto é engajamento e educação do público. Além disso, a estratégia serve como aliada de outra bem conhecida no universo do Marketing Digital: o Inbound Marketing.

Muito usadas para atrair e reter o público, tanto a estratégia de Marketing de Conteúdo como Inbound Marketing não podem faltar em um plano de Marketing.

No entanto, em meio a tantas possibilidades, ferramentas e estratégias, é comum ficarmos em dúvida sobre o que priorizar na hora de dar vida a uma campanha que envolve a produção de conteúdo estratégica.

Sabendo disso, pontuamos algumas perguntas que podem ser usadas como um checklist para você entender a sua estratégia de Marketing de Conteúdo com mais exatidão e acerto. Confira!

Qual será o objetivo?

Como quase tudo que envolve a área de Marketing, é preciso ter clareza em relação aos objetivos pretendidos com tal estratégia. No caso do Marketing de Conteúdo não é diferente.

Sendo assim, as principais perguntas em relação aos objetivos podem ser:

  • Gerar mais tráfego para o meu site ou blog?
  • Criar conteúdos para ter mais conversões?
  • Informar ou responder dúvidas a respeito do meu produto ou serviço?
  • Ou apenas entreter o público que já possuo?

Essas e outras perguntas são essenciais e darão norte a toda a estratégia. No entanto, nada impede que os objetivos sejam múltiplos. O importante é saber defini-los bem!

 Qual é o meu público ou persona?

Outro fator muito comum às estratégias de Marketing é a definição do público que será impactado pela campanha. No caso do Marketing de Conteúdo, essa definição vai um pouco mais longe.

A famosa persona nada mais é do que uma segmentação aprofundada sobre o público-alvo, dando forma quase que real a um personagem que representa um possível cliente.

Sendo assim, quem será a persona? Um gerente na faixa dos 30 anos, pós-graduado, com conhecimentos avançados em Logística e que aprecia churrasco?

Quais são as aspirações, crenças e objetivos dessa persona? O que ele espera do seu futuro e dos rumos da sua profissão? Será que deseja mudar de área, de cidade ou de país?

Entretanto, uma das questões mais importantes a se descobrir sobre as personas é identificar quais as suas “dores” e como a sua marca pode ajudá-lo a saná-las. Sabendo disso, tudo fica mais fácil na hora de definir o tom e a profundidade do seu conteúdo.

Terei assunto suficiente para manter a minha estratégia de Marketing de Conteúdo?

Aqui o planejamento se mostra essencial, pois criar uma campanha de Marketing de Conteúdo requer dedicação e disciplina por longos períodos.

Por outro lado, uma das necessidades que muitas vezes não é pontuada está relacionada à densidade de assuntos que serão abordados ao longo da campanha.

Por isso, é muito importante e necessário ter bem claro quais as dores e principais questões que os potenciais podem ter sobre o seu produto ou serviço.

Uma simples pesquisa ou as interações dos clientes com outros setores da empresa podem ser excelentes fontes para a produção de conteúdo.

Irei trabalhar sozinho ou com terceirização de conteúdo?

Aqui é onde muitos desistem devido às demandas que envolvem a estratégia de Marketing de Conteúdo. Diferente do que muitos pensam, a produção de conteúdo envolve muito tempo e planejamento.

Sabendo disso, é aí que entram em cena as possibilidades da terceirização de conteúdo com profissionais externos ou da contratação de uma agência de conteúdo.

Uma das vantagens da terceirização de conteúdo é poder escalar a sua demanda em pouco tempo e reduzir drasticamente os custos com pessoal especializado.

No entanto, é preciso ter todas as métricas bem alinhadas para que a produção de conteúdo seja otimizada ao máximo. Afinal, embora seja bem vantajosa, a terceirização de conteúdo não substitui a qualidade e nuances que somente você possui sobre o seu próprio negócio.

Quais formatos irei usar na minha estratégia de Marketing de Conteúdo?

Engana-se quem pensa que marketing de conteúdo se resume apenas à criação de textos para blogs ou postagens nas redes sociais. A realidade é que tudo se complementa e se converge. Ao todo, existem mais de 15 formatos de conteúdo que podem ser explorados.

Por isso, esse é outro detalhe que deve estar bem definido conforme os tópicos 1 e 2, os quais já abordamos no começo deste post. Ter  objetivos bem claros e conhecer a persona são fatores indispensáveis para definir os formatos certos dos conteúdos.

Dependendo do seu público, os vídeos podem ser excelentes alternativas, mas por outro lado você deve se perguntar se terá estrutura adequada para produzi-los.

Por outro lado, blog posts são formatos mais simples e baratos de se produzir, mas será que é isso que o seu público deseja? Será que podcasts não seriam mais indicados para sua persona?

Realmente terei compromisso com a estratégia de conteúdo?

Um dos fatores de sucesso no marketing de conteúdo é justamente conseguir manter a consistência da sua produção. E não, não é da noite para o dia que isso irá acontecer.

Por isso, contar com uma equipe e um bom planejamento são os atributos fundamentais para que tudo não seja deixado de lado na terceira semana da campanha.

Neste ponto, novamente vale contar com uma ajudinha extra de profissionais externos ou de uma agência de conteúdo como um braço direito.

Para que as tarefas não fiquem tão pesadas ou para desafogar o fluxo de produção, a terceirização de conteúdo se mostra uma boa alternativa para que os esforços não fiquem pelo meio do caminho.

Como irei definir e mensurar as métricas de sucesso?

Este é um dos pontos que muitos profissionais não se dão conta ou simplesmente não se atentam em gerenciar. Lembre-se: Marketing de Conteúdo é uma estratégia de negócios e não um passatempo.

Por isso, já no planejamento é importante definir muito bem quais serão as métricas de sucesso que serão consideradas em relação aos conteúdos produzidos.

Você pode estabelecer que o número de comentários será um dos fatores de sucesso. Ou, um pedido de orçamento oriundo de um determinado conteúdo. Quem sabe o número de visitas?

Essas métricas é você quem deve definir e de acordo com os objetivos que foram traçados no início da campanha. O importante é sempre ter em mente que todo conteúdo é uma peça de uma engrenagem maior que faz o seu negócio funcionar e não um “sport”.

Conclusão

Se você deseja iniciar uma estratégia de Marketing de Conteúdo para sua marca ou empresa tenha em mente esses questionamentos para não perder tempo com ações inconsistentes e sem possibilidades de retorno real.

Lembre-se que a produção de conteúdo é mais uma ferramenta no universo do Marketing, e como em qualquer outra estratégia da área, o sucesso depende muito de como tudo é planejado e executado.

Por fim, se você precisa de uma mão extra para criar a sua estratégia ou procura por uma agência de conteúdo para ajudá-lo com as suas demandas, não hesite em contar com a Verbum Conteúdo.

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.